Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2006

Atráves do Oceano e Adiante...

Imagem
Tão longe do canto dos pássaros. Está edificado o mais perfeito refúgio. Tão Longe do aroma das rosas... Tão perto da voz da alma.
Anjos cantam aonde o olhar teme repousar. Anjos de alegre e doce melancolia. Vozes determinadas a sempre cantar Na paisagem desolada à sombra da luz do dia.
O sol ilumina fracamente réstias de alguma beleza. Perdida na esplendorosa beleza do passado distante Acima dos corpos inertes dos inimigos vencido. No beijo que separou o amor do ódio... Agora tão pouco importante.
Nas faces pálidas e anjelicais dos sonhos perdidos Reve-se a expressão mais distante de uma vida. Revelam-se as melodias mais doces e terríveis. De medo e esperança renascida.
Esperança de ver os mortos ressucitarem. Esperança de ver das cinzas renascer fênix Esperança de conseguir ao menos continuar andando Esperança de ver a luz triunfar sobre a escuridão.
Quando tudo está eternamente perdido. As cinzas, espalhadas. O caminho, soterrado. A luz, apagada. Há de a esperança sobreviver?
Esta noite irá mais uma vez fec…