sábado, 16 de agosto de 2008

Disconexo, Impuro, Imperfeito. Eterno...


"Agora que o sol se pôs, que vai brincar nas poças enlameadas da rua de casa. Quem vai encharcar os pés e sorrir como se Passado, presente e futuro não tivessem o menor sentido"


Como um anjo, voei,
nas minhas asas brancas me apoiei,
Vi a vida, e vi as nuvens.
Vi a fraqueza e os medos,
Daqueles que não tiravam os pés do chão.
Mas ainda estava com os olhos vendados,
Pois dormia no escuro da cidade vazia,
Que não dormia, apenas observava.
Então eu descobri que precisava respirar,
E o ar rarefeito da cortina de estrelas se fez notar.
Assim sem fôlego cai.

Como um demônio, enegreci,
Eis porém um momento que o vazio se fez sólido,
Um apoio para os pés.
Fui a vida, Não as Nuvens,
Fui a fraqueza e fui o medo,
E não tirei os pés do chão imaculado e escarrado
estava acordado e são.
E conheci os homens e as mulheres,
que vagam por entre a vida,
Como peças de um quebra-cabeça.
por entre os dedos do destino.
E então eu descobri que o destino era um lugar.
Que próximo as estrelas repousava.
Pois era inalcançável como o amor que inventei.

E então,
Do concreto ao meu redor se fez a vida,
E finalmente se fez verdade
Não haviam fotografias de sonhos,
Nem sorrisos que não fossem forçados,
Verdade essa que sou eu, você,
e todo aquele que se aventura a fechar os olhos
e Enxergar... Aquilo que se sonha ser...

E entao o disconexo virou poesia, que agora é o retrato de uma dúvida mortal,

Engenheiros, Poetas, Biomédicos, vagabundos
Jornalistas, Missionários e Mortos,

Quem escreveu suas histórias?

Homens, Mulheres, Sonhadores e Insensíveis,
Universos, impérios e ruinas.

São simplemente palavras...

E tudo isso que escrevi significa, unica e simplesmente...

"Caos...
A despeito da loucura... Que sentimento poderia ser mais lúcido?
Porque senão seria eu louco de pensar na realidade como uma forma de caos organizado... Então a loucura seria o caos natural, que não se aprisiona, apenas existe...

Porque então confiar na segurança da sociedade, se tudo que ela faz é tentar organizar o caos que a gerou..."

E tudo isso simplesmente porque eu recebi um spam que me dizia... "Seja feliz, blá, blá... (...) envie essa mensagem para 3 mil pessoas nos proximos 20 minutos, ou vc tera uma morte trágica e maldita" Vai entender...

P.s.- A imagem acima não é de nenhum quadro surrealista eh simplesmente uma lâmina de tecido, que por via das dúvidas, não faço muita idéia do que seja, se quiser saber, vide Link "Debh" na parte superior do blog e se vira pra perguntar pra ela..." (isso não será necessário, se no caso, vc for ela, isso levando em conta que esse blog so tem 3 leitores, e isso na melhor das hipóteses) P.s.2 Esse texto foi inspirado na própria, ou você mesma, se for o caso.

 
© Direitos e Esquerdos Reservados à Renato Snowareski Gomes